Ferramentas do usuário

Ferramentas do site


aula_do_lencastre

Diferenças

Aqui você vê as diferenças entre duas revisões dessa página.

Link para esta página de comparações

Ambos lados da revisão anterior Revisão anterior
Próxima revisão
Revisão anterior
aula_do_lencastre [2009/04/05 16:14]
189_60_129.159
aula_do_lencastre [2009/05/19 19:53] (atual)
cap1989
Linha 1: Linha 1:
-Não havia como escapar disso... As aulas do prof. Lencastre acabaram por se tornar um evento esperado por todos+Não havia como escapar disso... As aulas do prof. Lencastre acabaram por se tornar um prato cheio para nossa turma
  
  
 +1) Apostas da galera via de regra eram cumpridas por mim ou pelo Cartola na chamada. Era comum, em vez do tradicional: 
  
 +"-Presente!", respondermos: "-Lencastre Camarão, veeeeeeeenha!"; 
  
-Exemplo de piadinha clássica do Prof. Lencastre:  
  
-Prof:  "- (...)  até colidir com outro leão morto.";  
  
-Aluno: "Leão morto?" ;  
  
-Prof: "Sim, uma ex-fera, hahaha !"  (esfera, captou, Mirony?+2) Colocávamos ao lado da mesa do prof. Lencastre um pedaço de pano, jornais ou um chapéu. Quando ele contava suas tradicionais piadinhas, o Cartola simulava um acesso de risos e exclamava: "Muito bom ! Muuuuuito bom!". Atirávamos então diversas moedinhas em direção ao pano/jornal ou chapéu; 
  
  
  
  
 +3) Certa vez ouvimos do corredor uma das famosas piadinhas do prof. Lencastre ser contada no interior da sala de aula de uma das turmas do segundo ano. Não resistimos: invadimos a aula e simulamos o tradicional ataque de risos, parabenizamos o professor, e nos retiramos repetindo a frase de sempre do Cartola: "- Muito bom! Muuuuuuuito bom !"
  
-1) Apostas da galera via de regra eram cumpridas por mim ou pelo Cartola na chamada. Era comum, em vez do tradicional:  
  
-"-Presente", respondermos: "-Lencastre Camarão, veeeeeeeenha!";  
  
  
 +4)  Escrevíamos em páginas inteiras do caderno as palavras: "risos", "aplausos" e "delírio". Durante as piadinhas do professor levantávamos os cadernos tal qual fossem placas, e o restante da galera atendia aos pedidos com grande dedicação.
  
  
-2) Colocávamos ao lado da mesa do prof. Lencastre um pedaço de pano, jornais ou um chapéu. Quando ele contava suas tradicionais piadinhas, o Cartola simulava um acesso de riso e exclamava: "- Muito bom ! Muuuuuito bom!". Atirávamos então diversas moedinhas em direção ao pano/jornal ou chapéu;  
  
-3) Certa vez invadimos uma aula do prof. Lencastre para o segundo ano, assim que ouvimos uma de suas piadinhas ser contada no interior da sala; simulamos o tradicional ataque de risos, parabenizamos o professor e nos retiramos, repetindo a frase de sempre do Cartola: "- Muito bom! Muuuuuuuito bom !". 
  
  
  
 +Para quem já perdeu de vez a memória, segue um exemplo de piadinha clássica do Prof. Lencastre: 
  
-4)  Escrevíamos em páginas inteiras do caderno as palavras: "risos", "aplausos" e "delírio"Durante as piadinhas do professor levantávamos os cadernos tal qual fossem placas, e o pessoal atendia aos pedidos com grande dedicação.+Prof:  "- (...)  até colidir com outro leão morto."; 
  
 +Aluno: "Leão morto?" ; 
  
 +Prof: "Sim, uma ex-fera, hahaha !"  (esfera, captou, Mirony?)
  
aula_do_lencastre.1238958895.txt.gz · Última modificação: 2009/04/05 16:14 por 189_60_129.159