Passeio Fotográfico 360º no Museu da República

Nessa panorâmica imersiva está o grupo de colegas da Trilharte num passeio fotográfico ao Museu da República, no bairro do Catete, no Rio de Janeiro. O Museu funciona no antigo Palácio Nova Friburgo, também chamado de Palácio das Águias, atual Palácio do Catete. Construído entre 1858 e 1867  foi sede do Poder Republicano do Brasil por quase 64 anos. 18 presidentes utilizaram suas instalações. Coube a Juscelino Kubitschek encerrar a era presidencial do edifício, com a transferência da Capital Federal para Brasília em 21 de abril de 1960. O quarto presidencial foi marcado pelo suicídio de Getúlio Vargas, em 24 de agosto de 1954. Dentre outros fatos históricos ocorreu ali o velório do presidente Afonso Pena, em 1909. Vale uma lida na descrição histórica no site do museu e também nas descrições dos cômodos na página da visita ao local.

Jardins do Museu da República

Ficha técnica:

Ainda estou precisando melhorar a estabilidade do mastro. Ele foi utilizado a meia altura nesta panorâmica. Um problema de como estou estabilizando é o tempo que isso toma. Estou amarrando cordas do topo dele até a ponta de cada pé do tripé. Durante as amarrações é necessário dar uma atenção ao mastro, para que ele não incline muito. O parafuso que o prende ao tripé pode não aguentar a força. Quando estico as cordas tenho que esticar pouco a pouco cada uma pelo mesmo motivo, até atingir uma tenção razoável, mas sem exercer tensão irregular, de modo a incliná-lo. Devo fazer alguma engenhoca para enrolar as 3 cordas ao mesmo tempo enquanto equilibro o mastro.

Abraços, Cartola.

Salão Nobre da Sede Social do Clube Naval – RJ

Oi pessoal,

essa certamente entrará para os destaques aqui do site. Fotografada em 14/06/2011 só consegui colocar no ar agora, em 10/01/2012. Algumas dificuldades se apresentaram e acabei postergando os ajustes na imagem para deixá-la digna de publicação.

Visitei o local para a foto após conhecê-lo casualmente. Estive numa seresta noutro salão do prédio quando fiz outra panorâmica e vi este salão de passagem. Acabei pedindo para fotografá-lo e voltei lá pra testar essa nova lente Sigma 10-20mm.

 

O local é belíssimo e foi restaurado agora em 2011. O prédio foi construído entre 1907 e 1910, tendo sido inaugurado em junho de 1910. Segundo informações no site do Clube Naval, foi projetado pelo arquiteto Tomazzo G. Bezzi, com a construção sob a responsabilidade do engenheiro Heitor de Mello e decoração artística a cargo de Hélios Aristides Seelinger. O prédio em estilo eclético, com elementos renascentistas italianos, foi tombado pelo Instituto Estadual do Patrimônio Cultural (INEPAC) em 1987. Juntamente com Theatro Municipal, Centro Cultural Justiça Federal (antigo Supremo Tribunal Federal), Museu Nacional de Belas Artes, Biblioteca Nacional e Palácio Pedro Ernesto integra o Corredor Cultural do Centro. Eu pessoalmente ainda colocaria o Real Gabinete Português de Leitura nessa lista.

inscreva-se

Salão Nobre do Clube Naval - RJ
Salão Nobre do Clube Naval – RJ

 

Ficha técnica:

Essa foi a primeira foto que fiz com essa lente, mencionada abaixo. E ainda usava o primeiro modelo de cabeça de tripé que fiz, que era mais durão para ajustar. Como resultado, minha inexperiência com a lente me deixou dois buracos no chão sem fotos feitas para eles. No final das contas tentei várias maneiras de corrigi-los, mas ainda não achei que ficou perfeito (alias, não é uma questão de achar, não ficou perfeito). Chega, porém, uma hora que você tem que se render, senão a coisa não sai nunca. Quem sabe um dia eu volto e faço alguns tacos artesanalmente no editor de imagem para deixar a coisa mais perfeita. O ótimo foi a descoberta do Multiblend, absurdamente mais rápido que o Enblend. Com ele consegui aumentar o tamanho da imagem que eu criava usualmente. Dos 12.000 x 6.000 pixels que costumava usar passei para 25.000 x 12.500, passando para uma resolução de mais de 300 megapixels, o que permite um zoom bem razoável nessa imagem. Outra coisa que me permitiu edita-la, depois de emendá-la, foi a aquisição de um notebook mais poderoso, além de ter editado as faces do cubo ao invés da equirretangular.

Outra coisa curiosa que descobri com essa imagem maior é que o convert, ferramenta do ImageMagick, não conseguiu fazer as transformações que eu precisei. No windows e no FreeBSD ela abendou por falta de memória, enquanto o GIMP acabou por executar a tarefa sem maiores problemas. Talvez haja alguma opção de configuração que eu não soube usar, mas acho que ela poderia ser mais espertinha por si só.

Abraços, Cartola.

Busto de Alípio Carvalho na Praça em Carolina, Maranhão

Segue mais uma panorâmica 360×180 graus em Carolina, interior do Maranhão. Fiz alguns comentários sobre a cidade e coloquei algumas referências na primeira foto que publiquei de lá, feita da torre da igreja. Quem quiser saber mais da pequena e pacata cidade pode acessar esse post.

Aqui podemos ver o busto de Alípio Alcides de Carvalho (1850-1914), parente de minha esposa, que fez parte da história da cidade e mereceu essa homenagem, feita pela prefeitura em 2010. Curiosamente meu sobrenome é Carvalho e o da minha esposa não :). Coisas de árvore genealógica… no fim somos todos parentes, não?

Dada minha proximidade nominal com o homenageado me dei o direito de tirar uma casquinha da foto, aparecendo como coadjuvante. Afinal a praça estava meio vazia mesmo…

Busto de Alipio Carvalho na Praca em Carolina
Busto de Alipio Carvalho na Praca em Carolina

Outros panoramas em Carolina

Carolina - Vista da Igreja
Vista da Igreja
Fazenda em Carolina, Maranhão
Meninos na Fazenda
Cachoeira do Itapecuru
Itapecuru
Torre da Lua
Torre da Lua
Tirolesa
Tirolesa
Na Piscina
Na Piscina

Ficha técnica:

Abraços, Cartola.

Torre da Lua em Carolina, interior do Maranhão

Carolina, no interior do Maranhão, tem belezas naturais de sobra. Essa é a terceira foto que publico feita por lá. O relevo local é cheio desses platôs elevados, como a Torre da Lua, ponto de onde fiz a foto. Subimos acompanhados pelo pessoal da Torre da Lua Ecoturismo. Pra quem gosta de aventura é um prato cheio.

Alguns aspectos que podem ser apreciados na foto:

  • O efeito do brilho no sol (experimente olhar na direção dele)
  • A visualização no formato mini-mundo (Little Planet), que pode ser visto clicando-se no botão mais à direita, com o desenho de um globo.
Torre da Lua
Vista da Torre da Lua

Outros panoramas em Carolina

Carolina - Vista da Igreja
Vista da Igreja
Fazenda em Carolina, Maranhão
Meninos na Fazenda
Cachoeira do Itapecuru
Itapecuru
Praça
Praça
Tirolesa
Tirolesa
Na Piscina
Na Piscina

Ficha técnica:

A foto ficou com um bom range dinâmico. Dá pra ver bem as pessoas mesmo na sombra. O céu pode não parecer muito bom, mas já deu bastante trabalho pra ficar como está, então estou satisfeito. As vezes um céu límpido é mais difícil de emendar que um céu com nuvens, e foi o caso. Essa é a primeira foto que publico feita com a lente Sigma 10-20mm em 10mm. Bom resultado.

Abraços, Cartola.

Pablo Lapidusas no MNBA – Música no Museu

Oi pessoal,

em mais uma foto no projeto Música no Museu temos agora o prazer de ver uma bela no Museu Nacional de Belas Artes ao som de Pablo Lapidusas. Não reparem na qualidade do áudio, pois gravei com meu celular ao vivo.

Pablo Lapidusas ao Piano no MNBA
Pablo Lapidusas ao Piano no MNBA

Ficha técnica:

Gostei da qualidade da imagem desta vez. Os fantasmas ficaram por conta da combinação de 3 imagens com exposições diferentes. Quem se mexeu virou fantasma 🙂

Abraços, Cartola.

Itaipu Binacional – Vista da Barragem – Jul/2011

Mais uma das férias deste ano em Foz do Iguaçu. Há dois tipos de passeio na usina de Itaipu, um mais curto e um mais longo. Fiz o mais longo e esse foi o primeiro ponto de parada para fotos. Mais à esquerda podemos ver o vertedouro, fechado na ocasião. Veja a imensidão da obra observando o prédio de uns 6 andares mais ou menos no centro da barragem.

No site deles é possível ver muitas informações interessantes e fotos bem bonitas do local também. Aguardem, pois essa foi apenas a primeira de várias panorâmicas que fiz na visita.

Lá no fundo, no degrau mais alto da escadaria, é possível ver o Arides, um de nossos prezados guia que acompanhavam os convidados na visita.

CLIQUE PARA VER O PANORAMA INTERATIVAMENTE

Panorama imersivo 360x180 da vista da barragem de Itaipu
Panorama imersivo 360x180 da vista da barragem de Itaipu

Como tenho passado a fazer em paisagens que se encaixam bem, segue também a versão Little Planet da panorâmica.

Itaipu - Vista da Barragem - Versao Little Planet
Itaipu - Vista da Barragem - Versão Little Planet

Ficha técnica:

Abraços, Cartola.

Soltando pipa no Leblon com os kitesurfs

Um belo dia de sol. Foi no dia 08 de junho. O vento forte soprava na praia. Com esse sudoeste não demora para aparecerem inúmeros kitesurfs vindos sei lá de onde. Esse pessoal deve ter algum sistema de comunicação pra avisarem uns aos outros. Mal comparando, é que nem vendedor no trânsito: os camaradas parece que surgem dos boeiros! Brincadeiras a parte, não perdemos tempo também e fomos soltar nossa pipa na praia. Ainda não tínhamos experimentado essa pipa de águia com um bom vento, então essa era a oportunidade de fazê-lo.

Infelizmente o vento estava é forte demais e era até difícil segurar a pipa. Restou fazer uma bela foto da ocasião. Espero que apreciem.

CLIQUEM PARA VER O PANORAMA DE MANEIRA INTERATIVA

 

Soltando pipa na praia com os kitesurfs

Novamente a foto a céu aberto proporciona um formato Little Planet bem interessante. Notem como ficou interessantemente dividida a imagem. Em cima a cidade, com os diversos prédios da orla. Embaixo o mar até o horizonte. No céu a pipa e os kitesurfs. Gostei muito. Para ver a foto com melhor resolução clique sobre ela.

 

Little Planet da imagem

Ficha técnica:

Um belo panorama 360×180 graus feito inicialmente no formato equirretangular. Depois de pronto e acertado foi transformado em Little Planet – resultado do uso da projeção estereográfica no Hugin, um dos softwares utilizados na criação da foto panorâmica.

Abraços, Cartola.

%d blogueiros gostam disto: