Bethesa Fountain and Terrace e The Lake em tour 360°, Central Park, NYC

Um pedacinho do gigante Central Park, em Nova York, num fim de tarde gelado mas de céu lindo.

O local se chama “Bethesa Terrace and Foutain” e são uma fonte e terraço ao lado de um lago chamado “O Lago”, ou “The Lake” no idioma local. Fomos andando aleatoriamente até esbarrar com esse pedacinho charmoso do parque. Muita gente fotografando por todos os lados, diversos inclusive fazendo ensaios de casamento. Alguns podem ser vistos nas panorâmicas. A fonte foi construída entre 1859 e 1864 e restaurada algumas vezes. Na primeira foto é possível ver uma placa de agradecimento pela restauração da fonte em 1981 e outra ao lado pela restauração da estátua.

A beleza do lugar fez com que ele já aparecesse de diversas maneiras nas mais diversas mídias, como em vídeo games, músicas e clipes, literatura, TV e vários filmes de Hollywood, como Mr Deeds, Avengers (Os Vingadores) e diversos outros. Mais detalhes podem ser vistos na página da wikipédia sobre o local ou na do próprio Central Park (achei a da wikipédia melhor) – infelizmente ambas apenas em inglês.

Sintam-se lá navegando pelas duas panorâmicas que fiz no local.

Bethesa Foutain and Terrace in 360°

Bethesa Foutain and Terrace in 360°

Ficha Técnica:

Abraços, Cartola.

Times Square à Noite em 360° na Cidade que não Dorme

“I wanna wake up in a city that doesn’t sleep” – já cantava Frank Sinatra na consagrada música “New York, New York”. Acho que, além da Broadway, famosa rua que cruza a cidade desfigurando os quarteirões “quadradinhos”, a Times Square talvez seja um dos maiores símbolos dessa cidade que não dorme. A quantidade de letreiros luminosos chama ainda mais a atenção à noite. É difícil saber pra onde olhar. Tem propaganda barata de produtos quaisquer, propagandas interessantes e luxuosas que tornam as coisas interessantes, filminhos, tudo o que se possa imaginar. Além da democracia. Ao lado de letreiros com, aparentemente, a mais moderna tecnologia que já vi, capazes de fornecer um branco brilhante e ao mesmo tempo um negro profundo, há outros mais simples e pobres, toscos, principalmente saindo um pouco do eixo principal.

Não obstante a exploração comercial explicita, exacerbada e veemente, o local sem dúvida é peculiar e absolutamente interessante. Tenho ainda outras duas panorâmicas diurnas fotografadas de pontos mais centrais, mas estão dando mais trabalho pra montar por conta da quantidade de pessoas que haviam no local. Por enquanto fiquem com essas duas que mostram o lugar num ponto um pouco deslocado de dia e à noite.

Times Square em panorâmicas 360°

Times Square em panorâmicas 360°

Ficha Técnica:

Abraços, Cartola.

Um lindo dia ao lado do Rio Hudson, no Nelson A Rockefeller Park, Manhattan, NY, USA

Um lugar cheio de charme. Um lindo dia com um céu maravilhoso. O Rio Hudson passando ao lado e um cenário de fim de outono de tirar o fôlego. Um passeio como esse não podia ficar sem registro e nada melhor que uma foto panorâmica para compartilhar a sensação do lugar. Uma pena (ou sorte de quem vê) que pela Internet não dá pra sentir o frio que estava por lá. Embora o dia fosse de sol a temperatura estava em torno de 0°C ou menos. Nesses primeiros dias em que estivemos em Nova York pegamos até -5°C, enquanto aqui no Brasil, no Rio de Janeiro, fazia pra lá de 30°C.

O parque Nelson A Rockefeller fica ao sul da ilha, no norte do distrito “Battery Park City”. Como a região toda se chama Battery Park, acho que muitos nem sabem o nome do parque propriamente dito. Eu só descobri ao pesquisar para o artigo. Até então chamava o parque de Battery Park. Foi um passeio bem agradável, atrapalhado apenas pelo frio, que não nos permitiu alongá-lo muito. As crianças, como sempre, querem aparecer em todas as tomadas.

Foto 360x180° no Nelson A Rockefeller Park

Foto 360×180° no Nelson A Rockefeller Park

Ficha Técnica:

Abraços, Cartola.

Por do Sol na praia em Atlantic City

Oi pessoal,

Atlantic City é mais conhecida pelos cassinos, mas tem também sua beleza natural. Pelo que disseram, no verão a cidade enche e a água do mar é quentinha e gostosa. Agora no inverno cheguei a ter a impressão em alguns lugares de que estava numa cidade fantasma, mas acho que é o frio que espanta o pessoal.

Curiosamente não encontrei ainda o nome dessa praia. Se alguém souber me avise! É a praia que fica logo em frente à Boardwalk.

A cidade tem isenção fiscal do governo para estimular os empreendimentos, por isso o jogo é liberado. Era pra ser a “Las Vegas do Leste”, mas aparentemente a coisa falhou em algum ponto. A cidade hoje é tida e pode ser constatada como decadente. O milionário Donald Trump foi um dos maiores investidores no local. Já fechou o hotel casino Trump Plaza em setembro último e está programado o fechamento do Trump Taj Mahal, outro hotel casino gigantesco. Dá uma certa dó.

Nessa panorâmica imersiva um lindo pôr do sol, um pedacinho da natureza desse lugar que, pra mim, como carioca, mais parece uma geladeira.

Por do Sol em 360x180° em Atlantic City

Por do Sol em 360×180° em Atlantic City

Ficha Técnica:

Abraços, Cartola.

Navegue pela Times Square, Nova Iorque, em 360×180°

Oi pessoal,

a “esquina” mais famosa de Nova Iorque em 360° em uma das várias fotos que fiz no local. A Times Square é realmente um local peculiar. Todos os prédios são obrigados a instalar letreiros luminosos para publicidade. O resultado? Uma poluição visual só! Uma maravilha da tecnologia :) Telas gigantes com altíssima definição, provavelmente com o que há de mais novo no ramo. É onde acontecem grandes festas da cidade, como por exemplo, a comemoração de ano novo.

Navegue na Times Square em foto 360°

Navegue na Times Square em foto 360°

Ficha Técnica:

Abraços, Cartola.

 

Plaza Holanda e Planetário em Buenos Aires, em visita virtual 360°

Oi pessoal,

mais uma visita virtual na Argentina. São 7 fotos panorâmicas imersivas em Buenos Aires num parque que me lembrou muito o Aterro do Flamengo, aqui no Rio de Janeiro. É uma área enorme com muito verde e diversas opções de lazer. Na mesma região estão ainda o Zoo de Buenos Aires (alias, um dos dois zoológicos de lá), o Planetário, o Jardim Japonês e outras coisas.

Na Plaza Holanda fica um belíssimo roseiral, no qual chegamos por uma pequena ponte com um caramanchão todo branquinho. Um lago separa o roseiral de outra área do parque onde alugam-se bicicletas, patins e inúmeras pessoas praticam atividades físicas ou simplesmente se divertem.

Plaza Holanda e Planetário, Buenos Aires em foto 360

Plaza Holanda e Planetário, Buenos Aires

Ficha Técnica:

Algumas sombras foram fáceis de retirar, outras não, como é o caso da foto que ficou na miniatura acima, embaixo do caramanchão. O piso, já com sombras da armação de madeira, fora os detalhes do próprio chão, dificultaram a criação da sombra dos três que ficaram no meio da ponte. Na foto mesmo a sombra deles ficou cortada, incompleta e como daria um certo trabalho pra criá-la de novo, acabei optando por cortá-la, encurtando-a. Não ficou bom, mas espero que a beleza do restante esconda um pouco isso.

Abraços, Cartola.

Lagoa Rodrigo de Freitas vista do Clube Caiçaras, setembro/2014

Oi pessoal,

no último sábado estive no clube Caiçaras, um belo clube que fica numa pequena ilha na Lagoa Rodrigo de Freitas, no Rio de Janeiro. Aproveitei para fazer algumas fotos e, embora o dia não estivesse dos mais belos, chegando até a chover quando saí, acho que o local contribui muito ainda para o prazer dos olhos.

Na primeira foto a lateral do clube que dá para o Estádio de Remo da Lagoa, onde hoje há o Lagoon, um pequeno shopping center gastronômico, com cinemas e restaurantes. Na outra foto está a lagoa em toda sua exuberância. Um pequeno barco a vela ao longe, com o Cristo Redentor e algumas fragatas a reverenciá-lo. E interessante como a gente de desloca um pouquinho só das vias expressas e essa paisagem já consegue nos passar uma paz enorme.

Lagoa Rodrigo de Freitas 360°

Lagoa Rodrigo de Freitas 360°

Ficha Técnica:

Estou tentando ter mais atenção e precisão no momento em que fotografo e essas duas creio que são as primeiras panorâmicas nas quais não faço nenhuma pós edição após a costura. Ainda vejo pequenos erros de junção e talvez a cena, com boa parte sem linhas geométricas, tenha contribuído pra facilitar isso, mas vamos caminhando. Em função disso o GIMP e o Panotools Scripts sairam da lista de softwares utilizados.

Abraços, Cartola.